Model To Model
fundo parallax

Glamour e Facilidades – A Sonhada Carreira de Modelo

7 de fevereiro de 2018
Carreira de Modelo - Por Onde Começar
Carreira de Modelo – Por Onde Começar?
31 de janeiro de 2018
Devo Seguir o Sonho
Devo Seguir o Sonho de Ser Modelo?
14 de fevereiro de 2018
 

Glamour e Facilidades

Bom, vocês lembram do que a gente falou lá no primeiro post? Nós vimos algumas dicas iniciais sobre a carreira de modelo para quem está começando ou para quem ainda nem começou, mas precisa saber se tem o perfil necessário ou não.

Certo! Já sabemos que existem algumas exigências em relação às medidas do corpo, mas isso não é a grande regra para determinar se você vai conseguir trabalhar ou não. O que de fato irá determinar o sucesso dessa pessoa é… (adivinhe) muita dedicação e perseverança.

 

Diferentes Cenários


 

Dito, isso meus amigos e amigas, hoje vamos falar um pouco sobre o “glamour” e as “facilidades” da profissão.

Existem vários cenários de trabalho para quem é modelo. Por exemplo, o caso na nossa über model Gisele Bündchen, que – convenhamos – está acima de tudo e de todos (no bom sentido) no mundo da moda. Pessoas como ela são exceção, assim como o Pelé foi para o futebol e inúmeros outros jogadores mundialmente famosos.

Podemos dizer que esses profissionais levam uma vida glamourosa e com inúmeras facilidades, seja pelo fato de serem muito ricos ou pelo simples fato de serem celebridades reconhecidas no que fazem. Mas, não podemos esquecer: são EXCEÇÕES.

“Isso quer dizer que eu nunca vou alcançar o patamar desses modelos?”. Não! Você pode ser uma dessas exceções! Mas vamos supor que você faça parte dos 99,99%. Como será esse cenário? O que você pode esperar da vida de modelo sendo um mero mortal? É o que vamos ver agora!

 

“GLAMOUR”, “FAMA”, “DINHEIRO”

carreira-de-modelo-glamour-e-facilidades-model-to-model
 

Sabemos que o mundo fashion é sempre associado a palavras como “GLAMOUR”, “FAMA”, “DINHEIRO”, e por aí vai. Esse estereótipo é mantido pela imagem desses casos de sucesso do mundo da moda. Giseles, Alessandras, Adrianas, Kates, e toda a gangue.

Esses seres agraciados pela força divina nasceram apenas para aproveitar tudo do bom e do melhor que a vida tem a oferecer. E quando ouvimos falar sobre “vida de modelo” e “mundo fashion”, são sempre essas histórias que são vendidas para nós. E nós? Nós compramos.

Mas, calma! Estamos aqui para tentar ajudar com um balde de água fria chamado: RE-A-LI-DA-DE.

O mercado da moda é um dos que mais cresce no mundo, e isso é muito positivo para todos nós. Acompanhando esse movimento, percebemos inúmeras agências de modelos surfando na onda do mercado em ascensão e, a toda hora, dizem estar lançando **OS NOVOS GRANDES NOMES DA MODA**.

 

Canibalização do Mercado


 

Quando uma agência está começando, é muito difícil conseguir captar modelos competitivos – isto é, que aprovam em muitos jobs. Mas, a agência depende dos modelos que trabalham com ela. Se seus modelos não conseguem trabalhos… a agência não tem renda e não se sustenta financeiramente.

E o que as agências fazem nessas situações? Saem em busca de new faces acreditando que a solução é ter um portfólio de modelos enorme, e então pelo menos alguns vão ser as “vacas leiteiras” da agência – isso é, a fonte de renda. “PRECISAMOS DE NOVOS MODELOS, ALGUNS DELES VÃO CONSEGUIR PEGAR OS JOBS!”

New faces, justamente por serem NEW FACES, não têm experiência! Dificilmente vão estar preparados, e não serão aprovados para muitos trabalhos, até ganharem mais experiência e portfólio. Não sendo aprovados para os jobs, muitas agências (as “não tão éticas”, digamos assim) exigem que o novo modelo faça um book, e indicam algum fotógrafo que vai cobrar uma fortuna por meia dúzia de fotos.

Mas, e se mesmo com um book novo (e caríssimo) esses modelos AINDA não forem aprovados para os jobs?

O que muitas agências fazem é baixar os cachês cobrados pelos serviços dos modelos, tentando a todo custo (literalmente) fazer com que os seus modelos sejam escolhidos pelos clientes. Sendo mais barato para o cliente, muitas vezes a escolha dos modelos é feita por critérios de PREÇO. “Não é o melhor modelo, mas é o mais barato? É esse que queremos.”

Ou seja: ganhamos menos e também trabalhamos menos. Claro, estamos falando daqueles 99,99%. Se você é a exceção, pode parar de ler. Mas se não for, esse blog é pra você.

 

Onde Fica o Glamour?

carreira-de-modelo-glamour-e-facilidades-model-to-model
 

“Tá, e o que isso tudo tem a ver com GLAMOUR e FACILIDADES?”

É, isso mesmo. NADA!

Meus amigos, não existe nenhuma receita de bolo, nenhuma palavra mágica, nenhum rostinho perfeito que irá ter vantagens se não for competente, persistente, dedicado, comprometido, comunicativo, etc, etc. Como toda carreira, o sucesso é resultado de muito trabalho.

É o resultado daqueles minutinhos a mais na academia, daquelas horas caminhando de salto dentro de casa treinando passarela, das infinitas fotos tiradas tentando achar o seu melhor ângulo, dos momentos constrangedores fazendo poses bizarras na frente do espelho.

O sucesso é resultado do quanto trabalhamos para alcançar nossos objetivos. É aquele “a mais” que fazemos que os outros não fazem, é o resultado do profissionalismo e da disponibilidade.

Muito bem lembrado! DISPONIBILIDADE é a palavra. Precisamos estar disponíveis para trocar a roupa mais uma vez, para provar todas novamente, para esperar tardes inteiras em uma salinha desconfortável num casting só para tirar algumas fotos e ser dispensado.

É ter disponibilidade para gravar a cena pela quinquagésima vez, porque o câmera tremeu, porque o cabelo não estava certo, ou, simplesmente, porque alguém mandou. Precisamos estar disponíveis para fotografar no deserto com um sol de rachar na cabeça, ou nos alpes suíços à 10 graus negativos, usando nada além das suas roupas de baixo.

 

Esteja Sempre Disponível


 

Então meus amigos, cá entre nós: não é fácil. O que eu tenho para vocês não é bem um conselho, apenas um lembrete:

Esteja disponível e sempre, sempre faça o seu melhor.

No mundo da moda, não é só o modelo que sofre. Durante um trabalho, todo mundo rala, todo mundo tem os seus problemas pessoais, todo mundo cansa e fica exausto assim como você. Mas lembre-se de que todos são um time e, para ganhar o jogo, o time precisa trabalhar em equipe.

Espero que tenhamos colaborado mais um pouco esclarecendo suas dúvidas iniciais sobre a carreira de modelo. No próximo post continuaremos falando sobre as dúvidas daqueles que estão começando ou tem interesse em começar, mas não sabem para onde correr. Mas calma, estamos aqui para ajudar, sempre com um papo direto em sem rodeios. E de modelo para modelo 😉

That’s all folk’s!

Abraço,

Everton

Everton Henke
Everton Henke
Olá, meu nome é Everton Henke, sou o idealizador do projeto Model To Model. Juntamente com outros modelos e profissionais da moda, percebemos que hoje, na internet, as informações sobre essa profissão são muito superficiais e carentes de conteúdo. Nossa missão é transmitir para vocês conhecimento sobre uma das áreas mais desejadas na atualidade. A Model To Model surge com um formato de comunicação simples e objetivo, como se fosse uma conversa de modelo para modelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *