Eu devo largar os estudos par seguir a carreira de modelo?
O Modelo Antifrágil | Carreira de Modelo | Ser Modelo
17 de março de 2020
model preparado
Modelo Preparado Vai Mais Longe
29 de março de 2020

Devo parar de Estudar para Seguir a Carreira de Modelo?

arlequina modelo

 
 
A carreira de modelo acontece em diferentes momentos da vida das pessoas. Para uns ela começa mais cedo, para outras começa mais tarde.

Porém, uma coisa não muda nessa jornada. Toda escolha é uma renúncia!

Você precisará abrir mão de muitas coisas para conseguir se dedicar plenamente a esse ofício. E é nesse momento que começam a se criar muitos dilemas, muitas dúvidas e inseguranças.

As pessoas, por padrão, buscam cenários confortáveis para seguir, seja evitando a “dor de acordar” cedo para treinar, seja para decidir se aceita o convite para viajar a trabalho.

E como eu falei antes, em todas as escolhas você estará abrindo mão de algo.

No primeiro exemplo, você teria que abrir mão de mais 1 hora de sono para focar no seu treino. Possivelmente seria o seu único momento do dia para fazer tal atividade.

Já no segundo exemplo, caso você ainda esteja estudando, teria que deixar de lado os estudos para seguir essa jornada.

E é justamente sobre isso que eu quero falar contigo: Como eu vejo a importância de dar continuidade nos estudos.

Esse é um campo delicado de se abordar já que cada caso é um caso. A carreira de modelo acontece de formas diferentes para cada pessoa.

Meu nome é Cássia Rodrigues, trabalho como modelo a mais de 10 anos e a partir de hoje sou a mais nova Insider aqui da iniciativa Model To Model.

Vamos nessa!
 
 

O INÍCIO PRECOCE

 
a carreira de modelo
 
O que mais observamos no cenário da moda são jovens modelos ingressando em passarelas de desfiles internacionais muito jovens. Os famosos New Face!

Se puxarmos o histórico dessas modelos e pesquisarmos suas idades e de onde vieram, acredito que poderemos contabilizar modelos dos 6 continentes e havendo uma boa porcentagem com menos de 18 anos de idade.

Quem olha de fora pensa: “Poxa, bastou nascer para sair ganhando dinheiro e ainda ta reclamando?”

Bom, quem observa apenas o sucesso das pessoas, sempre julgará de forma rasa a trajetória delas.

Mas enfim, voltando ao cenário que estávamos construindo. Eu havia comentado antes sobre achar que é muito delicado o tanto de responsabilidade, maturidade e abdicação que uma modelo ou um modelo precisa fazer logo de cara.

E isso é potencializado quando você precisa mudar de país, caso surjam possibilidades de trabalho internacional.

Abrir mão de estudar, de ficar com a família, de se relacionar com pessoas da sua idade e entrar em um universo extremamente hostil, competitivo e, muitas vezes, cruel!

Ao meu ver os modelos precisam passar por um processo de maturação em nível nacional. Precisam cumprir com algumas etapas importantes que irão posicioná-los como indivíduos dentro da sociedade.

O estudo é uma delas!
 
 

COMO EU ENCAREI ESSE PROCESSO

 
carreira de modelo mulher foto
 
Eu comecei cedo, como a grande maioria (16 anos) e logo de cara a carreira de modelo começou a conflitar com minha antiga vida e minha frequência escolar.

Eu estava no ensino médio naquela época e o volume de compromissos foi aumentando e eu já não conseguia mais dar conta de tudo. Uma parte ficou parada por um tempo.

E foi a escola!

As coisas começaram de fato a acontecer e eu estava feliz. No início você se sente um tanto vislumbrada com tudo e você cultiva por um tempo uma visão de glamour.

Mas ela logo passa! (rsrsrs)

Então chegou um momento que aquilo estava me deixando muito mal por estar abrindo mão do estudo. Eu pensava: “E se um dia eu não puder mais me dedicar a carreira de modelo?”

Então decidi puxar o freio e concluir o ensino médio. E não me arrependo nenhum pouco dessa escolha. Tenho certeza que foi a medida certa!
 
 

SIGA O SEU CORAÇÃO, MAS SEMPRE PÉ NO CHÃO

 
modelo no sofá
 
Até aqui eu compartilhei como eu vejo essa situação específica na vida dos modelos e não é uma verdade absoluta. Não estou dizendo que você deva fazer desta forma!

Eu apenas estou deixando aqui um depoimento com o intuito de tentar te ajudar com minha experiência e alguns pequenos conselhos.

Cada um sabe da sua vida, sua origem, dificuldades e, principalmente, o “FEELING”.

Feeling em livre tradução é algo que você sente, que só você sabe e às vezes não entende. Mas é como se existisse uma voz interior te falando para fazer isso ou aquilo.

Nem sempre dá certo é verdade!

Mas até no erro – e principalmente errando – aprendemos e evoluímos.

Então minha mensagem é que comece com calma, analise as possibilidades, coloque tudo na balança e meça os prós e os contras das suas escolhas. Tenha sensatez, ouça o seu feeling e siga o caminho que você sentir que deve tomar.

Mas, nunca deixe de estudar!

Hoje em dia o que não faltam são plataformas EAD com com os mais diversos cursos online. Esteja em constante desenvolvimento e isso trará frutos não só para a sua carreira de modelo, mas para a vida.

Destaque-se e seja FODA! 😉

Um beijão em você e sucesso na sua jornada!
 
 

Cassia Rodrigues
Cassia Rodrigues
Olá, meu nome é Cássia Rodrigues, trabalho como modelo internacional a mais de 10 anos. Já fiz trabalhos para marcas como Koleston, Snipes e Newsha. Sou comilona e magra de ruim! :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *